planalto-central-2.jpg

Lagoa Seca net Aeshna juncea net
 Lagoa Seca (JConde)  Aeshna juncea (JConde)

Com o projecto Biodiversidade, endemismos e espécies protegidas associadas às lagoas e cursos de água da Serra da Estrela: valorização de um século de aproveitamento hidroeléctrico pretende-se contribuir para o melhor conhecimento da biodiversidade de macroinvertebrados associados às lagoas naturais e artificializadas do planalto superior da serra da Estrela. Procurar-se-á também avaliar de que modo o sistema hidroeléctrico da Serra da Estrela, um dos mais antigos do pais, terá contribuído para a biodiversidade da região ao aumentar a área e o número de lagoas disponíveis para colonização por organismos aquáticos. Paralelamente, está programado um conjunto de actividades que visam divulgar o ciclo da água, o sistema electroprodutor da serra da Estrela e a sensibilização das populações para a poupança de energia.

O projecto envolve um conjunto de entidades cujos âmbitos de acção se complementam, procurando assim, numa abordagem multidisciplinar, valorizar as diversas temáticas desenvolvidas. Dada a falta de conhecimento sobre a biologia de muitas das espécies da serra da Estrela, incluindo espécies endémicas e protegidas por lei, pretende-se suprir esta lacuna com a realização intensiva de trabalhos de campo no período em que as mesmas se encontram activas (e.g., Maio a Setembro). Durante este período, proceder-se-á também à recolha de informação fotográfica sobre as diferentes espécies e habitats, que ilustrará os documentos e uma exposição que se pretendem produzir no âmbito do projecto.

 

Entidade Financiadora

EDP – Eletricidade de Portugal

Logo EDP

 

Parceiros

CBA – Centro de Biologia Ambiental, Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

CISE – Centro de Interpretação da Serra da Estrela, Município de Seia

TAGIS – Centro de Conservação das Borboletas de Portugal

SPEN – Sociedade Portuguesa de Entomologia

CITA-A - Grupo da Biodiversidade dos Açores

 

logos parceiros

Categoria: Investigação