planalto-central-2.jpg

Descrição

A necessidade de mobilidade das sociedades modernas esteve na base da criação de extensas redes de infraestruturas viárias. Para além da transformação da paisagem, com fragmentação e destruição de habitats naturais, a proliferação de redes de transporte tem um acentuado impacte sobre a fauna selvagem, sobretudo a nível do incremento da mortalidade de animais por atropelamento.
Os répteis e os anfíbios estão entre os grupos de animais mais afetados pelo tráfego rodoviário, devido essencialmente aos seus comportamentos migratórios e à sua relativa lentidão. Para minimizar este impacte é fundamental dar prioridade ao desenvolvimento de ações de educação ambiental.
No Parque Natural da Serra da Estrela existem importantes populações de diversas espécies de répteis e anfíbios, sendo algumas de especial interesse por serem únicas em Portugal e outras por serem exclusivas da Península Ibérica. No âmbito das atividades que o CISE realiza tem sido possível detetar nas estradas da serra um grande número de animais mortos por atropelamento.
No sentido de contribuir para a mitigação deste impacte, o CISE propõe às escolas do 2º e 3º ciclos do ensino básico do concelho de Seia o desenvolvimento de um projeto intitulado Atenção! Répteis e Anfíbios.

1 - repanf 2 - repanf 3 - repanf 4 - repanf 5 - repanf


Objetivos

O programa tem como objetivos principais:
1. sensibilizar os alunos para a importância da conservação da natureza;
2. desmistificar o preconceito que existe em relação aos anfíbios e aos répteis.



Atividades a desenvolver

As atividades programadas no âmbito do projeto são desenvolvidas a nível de turma e incluem:
1. uma sessão teórica sobre anfíbios e répteis a ter lugar na sala de aula;
2. uma saída de campo para conhecer anfíbios e répteis no seu habitat natural e deteção de animais mortos nas estradas;
3. produção de materiais de sensibilização relativos a este problema de conservação da natureza.